Coronavírus: Repasse do iFood para Restaurantes Será Mais Rápido

Com o novo acordo realizado no dia 18 de março de 2020, o tempo de repasse de lucros do iFood para restaurantes será reduzido para, em média, 7 dias.

Normalmente, o repasse de lucros entre iFood e empreendedor demora cerca de 28 dias. 

Esse prazo é praticável em qualquer época do ano. 

Entretanto, em tempos de crise iminente com a COVID-19, esperar 28 dias para receber o lucro de uma venda pode acarretar em problemas irreversíveis.

Foi pensando nisso que a decisão foi tomada.

O acordo feito entre a Abrasel (Associação Brasileira de Bares e Restaurantes) e o iFood tem foco em auxiliar o setor da alimentação.

Essa medida irá inserir aproximadamente R$ 600 milhões de capital de giro em todo o país.

Isso pode salvar muitos das maiores consequências da eminente crise do setor.

O Delivery é a Melhor Maneira (e Mais Segura) de Evitar Prejuízo

Por conta da quarentena em diversas regiões, os pedidos delivery aumentam em até 20% em algumas regiões do país.

Isso tem suas vantagens e desvantagens para o empreendedor da alimentação. 

Afinal, apesar de aumentar as vendas, aplicativos como o iFood cobram taxas.

Foi por isso que o iFood disponibilizou outra medida: um fundo de R$ 50 milhões para ajudar, até o dia 25 de março, com taxas decorrentes do alto número de pedidos.

Em um momento de crise, essa poderá fazer com que pequenos negócios respirem aliviados por algum tempo.

Outro passo para ajudar os empreendedores está sendo incentivar a retirada de pedidos, o que não gera gastos para o restaurante nem para o cliente, com taxas de entrega.

Com isso em mente, é importante também que o empresário comece a pensar em alternativas.

Esse é o momento de abrir os horizontes e variar a fonte de renda do seu negócio.

A Abrasel tem procurado soluções paliativas contra a crise resultado do Corona. Diminuir o tempo de repasse do iFood é uma delas.

A Crise do  Coronavírus

As notícias sobre o Coronavírus estão em toda a mídia: o contágio local e mortes no Brasil já são uma realidade. 

Com as medidas preventivas, não há motivo de pânico.

As medidas de segurança recomendadas pelas OMS (Organização Mundial da Sáude) são:

  • Lavar as mãos com água e sabão;
  • Evitar entrar em contato com aglomerações;
  • Ficar em casa (principalmente grupos de risco);
  • Evitar sobrecarregar o sistema de saúde, indo ao pronto-socorro apenas quando necessário.

Por outro lado, trata-se de um problema de saúde que pode trazer consequências graves à economia.

Isso tem preocupado donos de pequenos comércios.

Nesses casos, o principal medo é pela sua saúde e de seus colaboradores, bem como pela integridade do empreendimento.

Portanto, medidas devem ser tomadas e toda ajuda é benvinda.

Quanto aos comércios da alimentação, é recomendável o uso de plataformas de delivery.

Isso evita maior queda na renda durante esse período incerto.

O Novo Coronavírus é Fatal Para Pequenos Negócios - Procure Alternativas

Por conta do isolamento social generalizado, o crescimento do delivery é grande.

As pessoas estão em casa, buscando o que teriam se pudessem sair. 

Elas buscam por um delivery como o seu. 

Por isso, muitos empreendedores têm escolhido aderir às plataformas como iFood.

Com medidas como a alteração da data de repasse, o iFood pode realmente ajudar muitos empreendimentos pequenos.

Entretanto, depender de um único meio de entrega é perigoso. 

É essencial variar as formas de receber pedidos.

Reduza as taxas, tenha o seu próprio site.

Aumente as chances de renda em tempos de Corona.

Tenha um site só seu, com seu nome e seu logo. 

Clique aqui, teste gratuitamente ou confira uma apresentação de todo o sistema Consumer. 

Com ele você tem um site exclusivo com pedidos integrados ao WhatsApp.

Tenha um cardápio digital e diferencie-se.

Gostou dessa notícia? Divulgue a todos os empreendedores da alimentação! 

O Consumer se preocupa em deixar você bem informado. Acompanhe nossas redes sociais e fique por dentro de tudo que acontece na área da alimentação.

2 comments

Participe e deixe seu comentário abaixo.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.