Skip to main content

Praticar a sustentabilidade em restaurantes já foi um tema pouco discutido no setor da alimentação, mas esse cenário mudou bastante nos últimos anos.

Isso porque a sustentabilidade tornou-se um dos valores mais importantes para a sociedade global, que está preocupada com o futuro do planeta.

Inclusive, o Brasil faz parte da Agenda 2030, um plano de ação promovido pela ONU para atingir os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável.

Como essas mudanças também afetam o comportamento dos consumidores, hoje eles procuram e valorizam empresas comprometidas com a sustentabilidade.

Assim, é importante adotar práticas sustentáveis em seu restaurante para estar alinhado com as novas demandas do mundo e dos consumidores. Mas também se destacar da concorrência.

Pensando nisso, reunimos aqui 7 dicas de como colocar em prática a sustentabilidade em restaurantes e fazer parte desse movimento mundial.

Boa leitura!

7 Dicas para Praticar a Sustentabilidade em Restaurantes

A sustentabilidade é um projeto que deve ser pensado a longo prazo, mas que pode trazer alguns resultados imediatos. Pois, além de contribuir com o ambiente, também ajuda o seu restaurante a diminuir custos e agregar valor ao negócio.

Ao adotar a sustentabilidade no seu restaurante, é importante aplicar, de fato, esse conceito e não apenas ficar na teoria.

Afinal, restaurantes que se dizem sustentáveis, mas não são, ou seja, “vendem” uma falsa imagem de sustentáveis, ficam com uma reputação ruim.

Para se tornar um restaurante sustentável de verdade, você pode iniciar com pequenas ações. Por exemplo, um bom começo é adotar o princípio básico da sustentabilidade que consiste nos 3R’s: 

  • Reduzir
  • Reciclar
  • Reutilizar.

Algumas dicas não custam nada, tratam-se apenas de mudança de hábitos. Outras, por sua vez, trarão vantagens, como a redução de custos.

Confira a seguir 7 dicas para praticar a sustentabilidade em restaurantes:

1. Separar e Descartar o Lixo de Forma Correta

O problema do descarte incorreto do lixo vem gerando inúmeros prejuízos para o meio ambiente e para o planeta. No Brasil, recicla-se apenas 3% de 30% do lixo com potencial para ser reciclado.

Por isso, está entre as principais e mais urgentes preocupações relacionadas à sustentabilidade em restaurantes e em outros tipos de negócios também.

Assim, separar o lixo orgânico do lixo reciclável e descartá-lo em pontos de coleta seletiva é uma prática sustentável que o seu restaurante pode adotar.

Aliás, você também pode utilizar o lixo orgânico para produzir adubo através da compostagem e utilizá-lo para fazer uma horta em seu restaurante.

Essa é uma ação simples e barata, mas que tem um impacto significativo no meio ambiente e ainda reduz os riscos de contaminação no seu restaurante.

Seu restaurante pode ajudar a aumentar a porcentagem do lixo reciclado no Brasil. (Imagem: Freepik)

2. Comprar de Fornecedores Locais

Em vez de comprar de fornecedores de outras localidades, dê preferência aos fornecedores locais ou mais próximos a sua região.

Além de incentivar a economia local e a agricultura familiar, você estará ajudando a diminuir a poluição do ar.  Afinal, esses fornecedores irão gastar menos combustível para realizar a entrega porque estão mais perto de você.

Para percorrer longas distâncias, os alimentos são embalados e, muitas vezes, produzidos com uso de aditivos sintéticos para durar mais.

Comprando de fornecedores locais, o uso de agrotóxico diminui, contribuindo para a saúde do solo e dos seus clientes.

Outro ponto positivo de comprar de fornecedores locais é que você saberá a origem dos produtos que usa na sua cozinha, transmitindo mais confiança para os clientes.

Quer alavancar suas vendas? Baixe o E-book Como fazer o seu Restaurante vender mais!

3. Evitar Desperdícios

O desperdício é uma atitude que não combina com a sustentabilidade – e muito menos com o orçamento do seu restaurante. Por isso, ele deve ser combatido a todo custo.

Deve-se ter muita atenção ao consumo de água, por exemplo. Evite deixar torneiras abertas ou gotejando. Também estude a possibilidade de colocar redutores de vazão nelas e nas descargas.

Se for possível, reutilize água da chuva para lavar calçadas, lavar pisos, regar jardins e afins. 

Já em relação ao desperdício de comida, uma boa forma de evitar é fazendo o controle de estoque do seu restaurante.

Assim, você poderá ter uma gestão melhor das compras e do armazenamento do seu estoque. Melhor ainda se tiver a opção de fazer a ficha técnica das receitas para não haver desperdícios no preparo.

No Consumer, você encontra esses dois recursos para o seu restaurante, o controle de estoque com ficha técnica para uma gestão eficiente.

Troque as embalagens de plástico por embalagens eco-friendly. (Imagem: Freepik)

4. Usar Embalagens Sustentáveis

Algumas embalagens tradicionais, em especial as embalagens de plástico e de seus derivados, levam cerca de 400 mil anos para se decompor.

Assim, essas embalagens são um grande inimigo para a sustentabilidade do meio ambiente, principalmente quando descartada de forma incorreta.

Trocar as embalagens de plástico por embalagens sustentáveis é uma atitude que os restaurantes podem fazer para diminuir o impacto ambiental.

A boa notícia é que existem diversos tipos de embalagens eco-friendly no mercado hoje em dia, por exemplo:

  • Biodegradáveis
  • Recicladas
  • Reutilizáveis
  • Comestíveis

Inclusive, você pode usar isso como um diferencial para agregar valor e conquistar clientes comprometidos com a sustentabilidade em restaurantes.

5. Reciclar o Óleo de Cozinha

O óleo de cozinha é outro vilão da sustentabilidade. Na maioria das vezes descartado incorretamente, ele causa poluição do solo e da água.

Além disso, libera gases tóxicos durante seu processo de decomposição que contribuem para o aumento da temperatura do planeta.

Sendo um dos principais insumos usados em restaurantes, uma maneira de dar uma nova utilidade sustentável para o óleo de cozinha é reciclá-lo.

Para isso, basta armazená-lo em garrafas PETs e levar até um ponto de coleta. No processo de reciclagem, é possível obter detergente e sabão.

Já para reduzir o consumo de óleo de cozinha, você pode optar pela fritadeira elétrica em vez da fritadeira a gás. Isso pode representar até 60% de redução.

Recicle o óleo de cozinha usado em seu restaurante. (Imagem: Freepik)

6. Investir em Luz e Ventilação Natural

Economizar energia elétrica além de ser uma ação sustentável também ajuda a reduzir um dos principais custos em restaurantes.

Portanto, invista em luz e ventilação natural para usar menos energia e, assim, ter um restaurante mais sustentável.

Uma dica é deixar a luz natural iluminar o estabelecimento durante o dia e, se possível, ter áreas abertas com sombra, mas arejadas e bem iluminadas.

Além disso, várias janelas ou mesmo a ausência de paredes em alguns lugares pode contribuir para que o ar circule livremente e refresque o espaço.

7. Utilizar Menos Papel no Processos

Embora visto como algo ultrapassado, usar blocos de papel para anotar pedidos ainda é um hábito comum em muitos restaurantes. 

Entretanto, o papel também é um material que, se usado em excesso, transforma-se em um ponto negativo para a sustentabilidade do meio ambiente.

Assim, recomenda-se utilizar menos papel nos processos de restaurantes e, em vez disso, apostar na tecnologia para substituí-lo.

Por exemplo, a comanda mobile do Consumer substitui os blocos de papel e ainda aumenta a capacidade de atendimento por mesas. Sem falar que torna o atendimento ágil e moderno.

Você também pode substituir o cardápio impresso pelo cardápio digital do Consumer e ter mais facilidade para alterar produtos e receber pedidos.

Lembre-se: a tecnologia pode ser uma grande aliada da sustentabilidade e do seu restaurante!

Consumer: uma Empresa Apaixonada por Ajudar Restaurantes 

A Consumer é uma empresa apaixonada por ajudar restaurantes. Por isso, já está há mais de 10 anos fazendo história no setor de food service.

Nós sabemos que a tecnologia pode transformar restaurantes em negócios de sucesso. Então, trabalhamos para desenvolver as melhores soluções do mercado.

Essas soluções já ajudam mais de 30 mil restaurantes a gerir seus processos e oferecer uma ótima experiência aos seus clientes.

Faça parte dessa comunidade de bares e restaurantes que confiam e crescem com o Consumer: Experimente Grátis!

Patricia Carvalho

Patricia Carvalho

Formada em Letras pela Unesp, possui cursos na área de produção de conteúdo, Copywriting e SEO. É redatora na Consumer, buscando sempre trazer conteúdo de valor para donos(as) de bares e restaurantes.

Deixe um Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.