Skip to main content

Abrir um Delivery em casa está se tornando cada vez mais comum entre os brasileiros.

Seja por ser o começo da realização do sonho de abrir o próprio negócio ou mesmo pela necessidade de gerar renda, é um negócio que está atraindo muitas pessoas.

O principal ponto positivo para quem decide abrir um Delivery em casa é que esse modelo de negócio requer um investimento baixo.

Além disso, o foco desse negócio na área da alimentação é o serviço de entregas, o que também diminui os custos com a estrutura do local.

Assim, acaba sendo um ramo mais acessível para começar a empreender e com maiores chances de obter retorno mais rápido do que em outros setores.

Continue lendo para conferir 10 passos para abrir um Delivery de comida na sua casa e começar a ser um(a) empreendedor(a) da alimentação!

10 Passos do que Você Precisa para Abrir um Delivery em Casa

O setor de Delivery de refeições oferece muitas oportunidades de crescimento, principalmente após seu crescimento durante a pandemia.

Além disso, food service é um dos setores que mais empregam no Brasil.

Assim, não é uma surpresa este ser um dos ramos que os empreendedores e empreendedoras mais escolhem para investir.

Mas nem todos podem ou têm condições de abrir um Delivery com cozinha própria, num estabelecimento exclusivo.

Por isso, abrir um Delivery em casa é uma alternativa que abre portas para quem deseja dar o primeiro passo em direção ao seu negócio próprio.

Pensando nesse assunto, a seguir, você vai conferir 10 passos para ajudar quem está com planos de abrir um Delivery em casa e não sabe por onde começar!

1º Passo: Definição do produto

A definição do produto é um dos pontos mais importantes para quem vai abrir um Delivery em casa.

Isso porque é preciso verificar a viabilidade de produção no espaço disponível em sua casa. Por exemplo, comidas como:

São algumas opções de segmentos de Delivery que oferecem certa facilidade para abrir em casa, pois não demandam uma grande estrutura de produção.

Além disso, escolha um tipo de alimento que você gostaria de trabalhar, pois esse é o maior segredo para o sucesso de um negócio: a paixão pelo que se faz.

Há diversas tipos de Delivery para abrir em casa. Escolha e invista nele! (Imagem: Freepik)

2º Passo: Planejamento financeiro

Depois de escolher qual produto você vai vender, é hora de começar a fazer o planejamento financeiro para abrir o seu Delivery.

Essa etapa é bastante importante, já que é nela que você terá uma ideia de quanto capital financeiro irá precisar e se programar para isso.

Entretanto, fazer o planejamento das finanças também inclui fazer a precificação correta do seu produto, pois é preciso que ele gere lucro para o seu negócio.

Depois de aberto, também é fundamental contar com um sistema para Delivery que ajude a fazer o controle financeiro do seu negócio, como o Consumer.

O Consumer gera relatórios e gráficos, além de ajudar no controle de contas a pagar, simplificando a  gestão financeira do seu Delivery.

3º Passo: Formalização do Negócio

Para montar um Delivery, é imprescindível realizar a formalização do seu negócio.

Ou seja, é preciso ter um CNPJ ativo e alvará de funcionamento, mesmo sendo na sua casa.

Hoje, a maneira mais simples de fazer isso é abrindo um MEI, além de ser grátis. Com ele, é possível emitir notas fiscais e separar suas contas pessoais das contas do Delivery.

4º Passo: Cozinha

O próximo passo é preparar a estrutura física do seu Delivery, em especial a estrutura da cozinha, além de equipamentos e utensílios.

Portanto, examine o espaço e o que a cozinha da sua casa já tem que pode ser aproveitado para o seu Delivery.

Então, adapte a sua cozinha de maneira a otimizar a produção do produto que você irá vender e adquira os equipamentos e utensílios que faltam.

Mas, é claro, tudo isso vai depender do segmento de Delivery que você irá investir.

Afinal, os utensílios e equipamentos para montar uma hamburgueria Delivery são diferentes dos equipamentos para montar uma marmitaria Delivery, por exemplo.

(Imagem: Freepik)

5º Passo: Estoque

Chegamos no estoque e aqui você precisa de um cuidado especial. Pois é fundamental armazenar corretamente, assim como fazer o controle eficiente do seu estoque.

Isso porque a má gestão de estoque pode trazer perdas e sérios prejuízos para o seu negócio

Portanto, é preciso ter um freezer e lugares com as condições adequadas para armazenar os produtos.

No Consumer, você pode fazer o controle de estoque digital usando a ficha técnica dos seus pratos totalmente grátis.

Assim, quando você fizer uma venda no seu Delivery, cada insumo e ingrediente utilizado na receita sairá do estoque automaticamente.

6º Passo: Tipo de entrega

Agora é a vez de decidir o tipo de entrega que você irá trabalhar em seu Delivery.

Isso envolve decidir como irá contratar os entregadores e como o cliente poderá receber seu pedido. Assim, você poderá decidir entre:

  • Frota de motoboy própria (CLT)
  • Freelancer
  • Terceirizada
  • Cooperativa
  • Delivery (entrega no local)
  • Take away (retirar no local)

Sempre levando em consideração o que é mais viável para o seu negócio no momento. Mas também qual a melhor maneira de atender a um número maior de clientes.

7º Passo: Embalagens

Mesmo que você não possa investir em embalagens muito elaboradas, busque por embalagens simples, mas com qualidade.

A prioridade é que o alimento chegue ao consumidor bem embalado, sem vazar, bem apresentável e ainda fresco para consumo.

Para isso, pesquise pelo tipo de embalagem que mais se adapta ao tipo de alimento que irá vender no Delivery: quente, frio, sólido, líquido, etc.

Não se esqueça de colocar uma identificação do seu Delivery na embalagem, pode ser um adesivo ou um cartão.

8º Passo: Cardápio Online

O cardápio online é usado com uma das principais estratégias para atrair clientes e ajudar o seu Delivery a vender.

Afinal, ele funciona como uma vitrine virtual na qual os clientes poderão conhecer mais sobre os pratos e bebidas que você oferece.

Por isso, é essencial colocar boas fotos e descrições detalhadas e atrativas para despertar o interesse de compra do cliente.

No MenuDino, você tem a oportunidade de criar um site Delivery e publicar seu cardápio online gratuitamente e até receber pedidos pelo WhatsApp com ele!

9º Passo: Aplicativos de Delivery

Pronto, está quase tudo certo para abrir o seu Delivery. Agora, você precisa definir qual ou quais serão os seus canais de venda para receber pedidos.

As principais opções disponíveis no mercado são:

Dentre as opções, os marketplaces como iFood, Uber Eats e Rappi cobram taxas sobre os pedidos, além do valor da assinatura. 

Entretanto, eles também podem ajudar a divulgar Delivery e atrair clientes no começo, pois são populares.

Por outro lado, o aplicativo próprio do MenuDino não tem taxas, conta um sistema de gestão e com integração iFood.

Então, você deve optar por aquele que oferece mais possibilidades para o seu Delivery vender mais!

Aplicativo para Delivery de Comida sem taxas no MenuDino!

10º Passo: Divulgação

Por fim, você deve investir intensamente na divulgação do seu Delivery, principalmente nas redes sociais.

Isso porque, para o seu Delivery ter sucesso nas vendas, é preciso que os clientes consigam encontrá-lo nos mecanismos de busca, como o Google Meu Negócio.

Além de achá-lo nas principais redes sociais, como o Facebook e o Instagram.

Afinal, hoje, os clientes buscam e descobrem novos restaurantes e Delivery no ambiente digital, então, é lá que você  precisa marcar presença!

O Consumer ajuda Você a Abrir o seu Delivery em Casa

Muitos clientes Consumer começaram com um Delivery em casa e depois viram seu negócio expandir.

Por isso, sabemos que abrir um Delivery em casa é o primeiro passo para se tornar um(a) grande empreendedor(a) da alimentação.

Assim, criamos nossas soluções para acompanhar o seu negócio em todas as fases: do começo, ainda pequeno conquistando seu espaço, ao crescimento!

A versão grátis do Consumer oferece os recursos e funcionalidades essenciais para o seu Delivery operar sem precisar investir logo de cara em um sistema.

Além disso, você pode utilizar a versão premium do Consumer por 15 dias para conhecer na prática sem precisar gastar nada com isso.

Então, na hora de escolher o sistema que vai ajudar o seu Delivery a crescer, escolha o Consumer: EXPERIMENTE GRÁTIS!

Patricia Carvalho

Patricia Carvalho

Formada em Letras pela Unesp, possui cursos na área de produção de conteúdo, Copywriting e SEO. É redatora na Consumer, buscando sempre trazer conteúdo de valor para donos(as) de bares e restaurantes.

Deixe um Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.